Principal

  Artes
  Blog
  Brainstorm
  Calendário
  Câmbios
  Divulgue-nos
  E-book Center
  Emprego
  Entrevistas
  Expressos
  Fotos
  Fotos a 360º
  Freeware
  Genealogia
  História
  Humor
  Jogos
  Links
  Livraria
  Mapas
  Meteorologia
  Música
  Náutica
  Patrocínios
  Poupar
  Reflexão
  Saúde
  Screensavers
  Sites da Região
  Vista do Espaço

  

Estamos no  Sapo

 

 

Página 2

 

 

Ciclismo:

Trata-se de actividade física óptima para o sistema cárdio-respiratório e para desenvolver a musculatura dos membros inferiores.

É especialmente indicada para indivíduos que apresentem lesões a nível dos membros inferiores, pois, ao contrário da corrida, coloca uma menor carga nas articulações (joelhos, tornozelos, etc.)

No entanto deve ser praticada com precaução por pessoas que possuam lesões ou malformações na coluna, devido às repercussões dos impactos da bicicleta no solo.

Canoagem:

A canoagem é um excelente desporto para desenvolver a musculatura do tronco e dos membros superiores. O sistema cardio-respiratório também é beneficiado.

O passeio de recreio em embarcações de turismo ( em que não é necessária um grande perícia para manobrar o barco), promove o contacto com a natureza , fornecendo experiências novas a indivíduos que nunca tenham praticado a modalidade e proporcionando momentos de bem estar e treino físico a atletas veteranos (é de salientar que estamos a falar da canoagem num contexto não competitivo).

Actividades físicas intensivas:

Estas actividades submetem o organismo a esforços violentos, durante períodos mais ou menos longos, com intervalos de descanso. Nelas se incluem modalidades com bola (futebol, basketbol, andebol, rugby, etc.)

Ao contrário das actividades físicas básicas, as actividades físicas intensivas exigem uma preparação prévia, sem a qual o desportista corre o risco de contrair lesões a muitos níveis, inclusive no músculo cardíaco.

Estas actividades, além de serem muito mais violentas a nível físico (maior capacidade condicional), exigem também conhecimentos técnicos do desporto praticado e domínio de algumas capacidades físicas (capacidades coordenativas).

 

Desportos de combate e artes marciais

O karaté, o judo, o aikido, entre outros, permitem uma descarga de violência e agressividade, seguindo uma prática ordenada e bem regulamentada.

Pressupõem uma aprendizagem técnica longa e rigorosa. Na sua maior parte, dá-se, por vezes, maior importância à aprendizagem técnica do que ao combate. A prática dos desportos de combate e artes marciais aumenta a capacidade de concentração, assim como as capacidades condicionais e coordenativas (força, flexibilidade, coordenação, resistência geral, etc.).

O boxe, o kickboxing, o savate, já se inserem nos desportos de contacto. Estes centram-se mais no combate, feito com protecções (luvas, capacetes, etc.). Exigem maior preparação física e quando praticados a nível competitivo são de uma intensidade enorme. Recomenda-se a atletas iniciados a prática destas modalidades num contexto não competitivo e orientado.

Actividades físicas da alto risco

Entre as actividades físicas de alto risco, figuram o alpinismo e o mergulho submarino.

Estas não estão acessíveis a qualquer atleta, pois exigem um conjunto de pré-requisitos para uma prática segura.

No entanto é de salientar que, apesar de não estarem acessíveis a todos devido a inúmeros factores, estas actividades têm em comum uma coisa benéfica: o contacto com a natureza.

Existem entidades que ministram cursos destinados à preparação da prática destas modalidades.

Milfontes, o sítio ideal

Milfontes possui excelentes locais para a prática de actividades ao ar livre. A marcha, a corrida e o ciclismo podem ser praticados em praticamente qualquer lado. Recomenda-se a praia para quem preferir uma corrida ou um passeio ao fim do dia, ou então os campos dos arredores, que são espaços com menos trânsito e com uma bela paisagem. Para norte, junto ao litoral, temos a zona do Canal até ao Malhão. Toda esta zona é Parque Natural, logo recomendam-se cuidados extra, tais como o não uso de veículos sobre as dunas e a circulação destes apenas pelos trilhos com o fim de minimizar o impacto da presença humana.

O estuário do Mira, junto a Milfontes, possui excelentes praias, com condições ideais para a prática da natação. No entanto, esta deve ser feita por indivíduos com algum à-vontade no meio aquático e conhecedores das características do rio e do mar, nomeadamente das correntes. Na época balnear, a maioria das praias estão vigiadas por nadador salvador, podendo a natação ser praticada com segurança dentro das zonas de banho (zonas delimitadas por cordas). Deve-se confirmar a presença do nadador salvador e as condições do rio/mar através das bandeiras.

O rio pode ser usado também para a prática da canoagem. Milfontes possui um clube náutico (o Clube Náutico de Milfontes), onde se pode efectuar o aluguer de embarcações de turismo. Na época balnear existe também um concessionário na praia da Franquia, que aluga embarcações.

Em relação aos desportos com bola, a junta de freguesia possui, junto ao mercado, um recinto em que se pode praticar futebol, andebol, voleibol e basket. Existe também um clube de futebol, o Clube Desportivo Praia de Milfontes, que, além do futebol, tem actividades como o karaté e o kickboxing.

O paintball também pode ser praticado em Milfontes (ver resto da página sobre Milfontes).

<<Página anterior

Site optimizado para IE4 ou superior (resolução de 800x600)

Copyright © Milfontes ponto Net!